* meu livro de receitas *

Ativismo ecológico no supermercado September 9, 2009

Filed under: histórias, pensamentos & memórias — gabivuolo @ 7:44 pm

Essa semana consegui ir ao mercado duas vezes sozinha. Tem gente que detesta, mas pra mim ir ao mercado é sempre um prazer. Especialmente se for o Pão de Açúcar. E ir sozinha é melhor ainda, porque dá pra olhar tudo com calma.

Eu sempre fui fã de lá: tem coisas que você só encontra lá, as lojas são menores, não tem aquelas milhares de distrações dos Carrefours e Extras da vida (CDs, DVDs, eletrodomésticos, roupas) e a parte de hortifruti é sempre fresquinha. Pra completar, a quantidade de opções orgânicas e biológicas é incrível – e o mais legal é que eles anunciam isso (e ainda falam que os orgânicos são livres de transgênicos) no alto-falante das lojas! Então fui, fazer minha feira da semana…

Tava lá, botando minhas coisas no carrinho e fiquei impressionada com a quantidade de granfino que passava longe da prateleira dos orgânicos… Não consigo entender a lógica: todo mundo diz que não compra orgânico porque é caro. Mas aí eu vou no Pão de Açúcar da Praça Panamericana, que só tem carro importado e/ou com motorista no estacionamento, e as pessoas não estão comprando orgânicos…

Qual será a desculpa da vez?! Será que a pessoa não se liga que vale mais a pena gastar um pouco a mais na hora da feira do que uma baita grana na farmácia?! Comprar carro importado todo ano, calça jeans de R$1.000, sapato de R$500 pode. Mas gastar R$2 num pé de alface acha absurdo… Não entendo.

Juro que na semana passada eu quase perguntei isso pra uma senhora que tava comprando tomates convencionais… e logo tomate, que tem agrotóxico a dar com pau! Mas eu tava gripada, debilitada, acabou dando preguiça de discutir com a mulher. Também fiquei assim porque, no fim das contas, ninguém é perfeito, né… Eu tenho uma dificuldade enorme de resistir aos importados de lá (aqueles com a marca Casino). E aí, haja pegada ecológica, né: imagina quanto CO2 foi emitido pra trazer as bolachinhas holandesas que eu pus no meu carrinho… Ou então os cogumelos enlatados, importandos da França. Então também não dá pra dizer que as minhas compras eram 100% verdes. Mas eu tento, juro que tento…

Fui passar no caixa e, como sempre, tinha levado minha sacola de feira – pra não usar as malditas sacolinhas de plástico. Só que, claro, não coube tudo na sacola de feira. Aí a mocinha do caixa ofereceu uma sacola de papel pardo, parecida com aqueles sacos de supermercado de antigamente – só que com alças de sisal. Olhei pra sacola meio desconfiada:

– Moça, quanto a mais vocês vão me cobrar por essas sacolas?
– Nada.

Como assim, nada?!
A moça disse que não custam nada a mais, é escolha do cliente. Ela disse que tem gente que ainda prefere as de plástico porque reutiliza como saquinho de lixo (ok, eu também faço isso às vezes), mas que quem quiser as de papel pode usar sem pagar a mais por isso. É por essas e por outras que eu amo o Pão de Açúcar…


O jeito mais fácil de comprar orgânicos ainda é encomendar aqueles que entregam em casa. Tem vários, mas eu gosto bastante do Caminhos da Roça, porque não é uma cesta fixa, então dá pra escolher os produtos e a quantidade.

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s